A História do Voip

Sobre Voip 21/02/2018
  • A História do Voip

    A História do Voip

A telefonia Voip é, de certa forma, uma tecnologia recente. 

Ela já teve muitos nomes, como Voice Over Broadband (VoBB), Internet Telephony, IP Telephony, and broadband Phone.

O avanço da Internet trouxe uma abundância de inovação em relação à comunicação. 

Houve a criação da comunicação via e-mail, porem as pessoas começaram a se perguntar se elas poderiam se comunicar em tempo real. 

Então as mensagens instantâneas, colocaram a AOL no centro das atenções como o provedor mais popular. 

Mas, ainda assim, outros queriam uma conexão mais pessoal, eles queriam ouvir a voz de outra pessoa através da Internet em tempo real, o que nos leva a criação do Voip.

PUBLICIDADE


 

Veja também:

 


 

O Voip (Voice over Internet protocol) foi desenvolvido em torno de 1995, originalmente serviu como alternativa para chamadas de longa distância e internacionais. 

Em menos de duas décadas, essa tecnologia revolucionou a comunicação em todo o mundo.

Hoje, o Voip pode não parecer uma tecnologia tão eficaz, afinal, a maioria das pessoas possuem smartphones com planos de dados e o valor do minuto para chamadas de longa distância ou internacionais já não é tão caro como antigamente. 

Talvez alguns pensem que a Telefonia Voip não é para aqueles que usam pouco no dia a dia. 

Ao pensar sobre a utilidade do Voip, é importante considerar suas origens, e para quem foi destinado.

 

Definindo o cenário

O Voip não existiria hoje se não fosse por três grandes invenções: o telefone, a Internet e talvez o mais crucial, o Protocolo Internet (IP).

Inventados no ano de 1870 pelo independente Alexander Graham Bell e Elisha Gray, os primeiros telefones amplamente utilizados exigiam um operador em uma central telefônica para retransmitir as chamadas entre o chamador e o receptor.

Em meados de 1900, a AT & T usou a nova tecnologia para criar os botões de toque nos telefones.

Isso permitiu a comutação digital de chamadas, eliminando a posição do operador humano. 

O governo dos EUA logo quebrou o gigante da companhia telefônica, e como resultado, as pessoas foram capazes de comprar seus próprios telefones.

A desregulamentação da propriedade também permitiu mais criatividade, o que levou a novos designs de telefones.

A Internet apareceu pela primeira vez em meados da década de 1960, embora não fosse a Internet que conhecemos hoje. Originalmente, foi desenvolvida pela Rede de Agência de Projetos de Pesquisa Avançada (ARPANET), e foi uma rede de computadores rudimentar fundada pelo Departamento de Defesa dos EUA.

Foi usado primeiramente para fornecer comunicações entre o departamento e as forças armadas dos Estados Unidos.

Com a crescente popularidade das redes entre empresas, a década de 1980 trouxe com eles a necessidade de trazer esta tecnologia para as pessoas. 

Foi quando o computador pessoal (PC) começou a ganhar reconhecimento e terreno. Com esses computadores, os proprietários podiam se inscrever em um Provedor de Serviços de Internet (ISP), como AOL, discar em suas redes por meio de linhas telefônicas e pagar por hora de uso.

Em 1989 veio a invenção do Hypertext Transfer Protocol, ou HTTP. 

Tim Berners-Lee e um grupo de pessoas no CERN inventaram isso e a Universal Resource Locator, ou a URL. Assim vieram a ser os fundamentos da World Wide Web. 

Há mais uma peça de quebra-cabeças deixada antes do Voip, e que é o protocolo Internet, ou IP. 

O Dr. Vint Cerf inventou isso em 1972, e isso define como a informação viaja entre computadores.

 

Origens humildesVocalTec Internet Phone

Tudo começou com uma empresa chamada Vocal Tec em 1995.

Eles foram os primeiros a desenvolver um aplicativo Voip. Foi chamado, simplesmente, Internet Phone. 

O aplicativo era simples e permitia que um usuário chamasse outro, sendo necessário apenas microfone e caixa de som.

Vídeo chamadas ainda não funcionavam e a configuração exigia que ambos os usuários utilizassem o mesmo aplicativo.

Em 1996, os recursos de correio de voz pela Internet ganharam vida. Agora era possível enviar mensagens de voz através da Internet para um telefone de destino. 

Existiam complicações, como qualidade de som fraca, períodos de silêncio ou delay e perda de conexão. 

No mesmo ano, a Vocal Tec anunciou seu software em conjunto com o Microsoft NetMeeting.

Em 1998, a Vocal Tec passou a criar modelos compatíveis com outros programas de computador (Softphones) e também para ligar e receber chamadas de telefones convencionais.

Até o final daquele ano, as chamadas Voip representavam menos de 1% de todas as chamadas de voz. Talvez porque, embora as chamadas eram gratuitas, o originador tinha que ouvir uma série de anúncios antes de continuar, bem como depois de terminar uma conversa.

Durante aquela década, os fabricantes de equipamentos telefônicos e especialistas em telecomunicações começaram a usar as recém-desenvolvidas transmissões digitais em seu benefício. 

A ideia de transferir informações através de pacotes baseados em IP foi atraente pela sua velocidade, melhora na qualidade e menor custo. 

Então começaram a desenvolver switches com recursos de IP e, eventualmente, desenvolveram novos softwares que permitiam aos usuários anexar um ATA (Adaptador para Telefone Analógico) em seus telefones.

PUBLICIDADE


 

Veja também:

 


 

Crescimento e Popularidade

O Voip cresceu de forma rápida, e nesse mesmo ano, três empresas diferentes introduziram um software de comutação Voip como padrão em seus equipamentos. 

Esta acessibilidade fez que somente em 2003, o número de chamadas Voip saltasse significativamente de 1% para 25% de todas as chamadas de voz, somente nos EUA.

A disponibilidade de internet banda larga melhorou significativamente a qualidade das chamadas, e a conectividade era muito melhor do que era com conexões discadas, que também existiam na época. 

Os usuários podiam navegar na Internet, jogar e fazer muito mais na Internet, ao mesmo tempo que eles faziam chamadas de voz, e isso colaborou para a aprovação das pessoas com relação aos serviços Voip.

Os fabricantes de hardware de comunicações começaram a produzir equipamentos para chamadas Voip de forma a oferecer melhor qualidade de voz.

Os consumidores começaram a reconhecer que o Voip era uma ótima maneira de evitar os altos preços associados com o uso da Internet e chamadas de longa distância, e apoiaram o Voip de forma assídua. 

As empresas que tinham filiais em todo o mundo, também começaram a aproveitar essas vantagens.

 

Voip e Economia

Como a popularidade da Internet, muitas empresas sentiram o aumento com a telefonia convencional e móvel, e viram a necessidade de migrar para a Telefonia Voip. 

O cenário foi mundando quando o governo americano começou a regular as comunicações de Voip em 2000.

Muitas empresas começaram a desfrutar das vantagens do Voip e começaram a criar call centers em outros países, como na Índia, por exemplo.

Algumas empresas resistiram a essa mudança, aumentando os turnos de atendimento.

Ainda outros optaram por instalar serviços de apoio ao cliente em fuso horários diferentes, para poder fornecer serviço 24 horas por dia. 

No entanto, isso aumentou os custos operacionais, e foi em grande parte, insustentável para a maioria.

Muitas empresas tentaram cortar custos através da fusão da rede de voz com a de dados. No entanto, o Voip ainda era uma tecnologia simples que precisava ser aprimorada. A qualidade das chamadas era ainda relativamente baixa.

Então provedores de Serviços de Telefone Internet (ITSPs) aumentaram a qualidade das telecomunicações e cobraram uma pequena taxa pelo aumento da qualidade.

Agora que a Internet, telecomunicações e Voip estavam saturando a economia, o país começou a ver uma espécie de engarrafamento e governo dos EUA ainda tinha pouca influência regulatória sobre o Voip.

Isso levou ao surgimento de pequenas empresas de comunicações, que buscaram fazer dinheiro aproveitando-se da falta de leis e regras. 

Essas empresas ofereciam aos consumidores cartões pré-pagos, de modo que os usuários pudessem fazer chamadas de longa distância e internacionais pagando um valor bem abaixo do convencional.

 

 Skype Logos

 

Skype entra na cena

Em 2003, o Skype lançou seu software beta, e rapidamente ganhou atenção.

Agora era possível fazer chamadas de voz pelo computador, de forma totalmente gratuita. 

Eles também desenvolveram seu próprio serviço de mensagens instantâneas, também gratuito, o que deu aos usuários mais opções de comunicação, tornando-a muito mais universal.

O Skype foi capaz de evoluir rapidamente e crescer para acomodar as necessidades dos usuários.

Em 2005, o Skype explodiu novamente quando introduziu as video chamadas. Hoje, ele é mundialmente conhecido especialmente por isso. 

Eles foram muito bem-sucedidos na integração de chamadas de vídeo, e obviamente preenchendo um vazio no mercado. Praticamente todos os que têm acesso à Internet sabem o que é o Skype e associam a empresa ao fazer chamadas de vídeo. 

O Skype tornou-se uma referência para qualquer outra empresa de Voip no mercado.

Uma desvantagem do Skype é que suas redes fechadas, ao oferecerem chamadas gratuitas e baratas, limitam a escolha dos usuários em relação ao software e hardware de terceiros.

PUBLICIDADE


 

Veja também:

 


 

Comunicação em massa

Em 2004, ao mesmo tempo que o Skype se tornou o rei do Voip, várias companhias surgiram como prestadores de serviços Voip. 

Elas muitas vezes forneciam chamadas ilimitadas e chamadas gratuitas entre usuários, porque agora, com os avanços na tecnologia, surgiram várias formas de se comunicar via Voip:

PC para PC: Origem e destino precisam de uma placa de som, microfone e alto-falantes ou um fone de ouvido

PC para o telefone comum: Só o usuário do PC precisa de um headset, e o destinatário recebe a chamada em seu telefone convencional ou móvel.

ATA para telefone comum: A originador precisa de um adaptador de Voip, e o destinatário recebe a chamada em seu telefone

Telefone IP para telefone comum: O chamador usa um Telefone IP, e o sinal é transmitido através de uma rede IP para telefone fixo do destinatário

Telefone IP para Telefone IP: A chamada viaja através de uma rede IP de ambas as extremidades.

 

Sobre o protocolo SIP

Session Invitation Protocol (SIP) teve início em meados de 2000. 

O protocolo SIP significa que uma pessoa deve iniciar uma conversa Voip, convidando a outra parte ou grupo de pessoas para a conversa. Esta tecnologia tem sido amplamente utilizada atualmente em mensagens instantâneas e grupos de bate-papo.

Essa recurso permitiu que desenvolvedores superassem as limitações de hardware. Agora eles poderiam criar aplicativos que pudessem atender a qualquer sistema telefônico, o que, por sua vez, reduziria o custo dos softwares Voip. 

O protocolo SIP é muito mais seguro do que os padrões usados anteriormente, proporcionando uma rede segura para todas as partes envolvidas.

Outro benefício do SIP é que ele pode ser usado em praticamente qualquer dispositivo que esteja associado à comunicação.

A Microsoft permitiu que todos os seus dispositivos usassem a tecnologia SIP. 

Isso significa que uma pessoa pode usar o SIP para se comunicar, não importa a localidade.

Muitas pessoas gostaram do fato de que o SIP suportava as capacidades Peer-to-Peer (P2P). Isso significa que a comunicação não depende de servidores ou gateways, ou quaisquer outros dispositivos auxiliares. Finalmente, a estrutura do SIP era semelhante ao Hypertext Transfer Protocol (HTTP) da web.

PUBLICIDADE


 

Voip hoje

Com a infinidade de avanços tecnológicos, como internet de alta velocidade e o surgimento do Wi-Fi, a integração de telefones, computadores, dispositivos móveis como smartphones e tablets e o surgimento do Skype como um modelo completamente revolucionário para a forma como as pessoas querem se comunicar, o Voip tornou-se parte do dia-a-dia de muitas pessoas em todo o mundo.

A qualidade da chamada foi aprimorada e agora é uma das tecnologias mais faladas no setor de comunicações. 

Seu crescimento em apenas algumas décadas tem sido surpreendente, e não há como dizer o quanto essa técnologia ainda pode evoluir.


 

Veja também:

 

PUBLICIDADE

Voltar

Envie seu comentário